Equipe médica realiza uma conferência para falar sobre o estado de saúde do T.O.P do BIGBANG

Loja de artigos de k-pop

Em 7 de junho, uma conferência de imprensa foi realizada às 4 da tarde KST para fornecer uma atualização oficial sobre estado de saúde do T.O.P do BIGBANG, que atualmente está sendo tratado no Ewha Womans University Mokdong Hospital.

A conferência contou com a presença do professor Kim Han Soo, do departamento de otorrinolaringologia (também chefe de relações públicas), professor Lee Deok Hee do departamento de serviços médicos e de saúde de emergência, professor Kim Yong Jae do departamento de neurologia e professor Choi Hee Yeon do departamento de serviços de saúde mental.

Kim Han Soo, chefe de relações públicas, começou a descrever quando T.O.P chegou no hospital e disse: “Ele chegou em 6 de junho de 2017 às 12:34 da tarde KST. Ele foi levado por três pessoas, com uma segurando a parte superior do corpo enquanto as outras duas estavam segurando a metade inferior de seu corpo. Nossos médicos da emergência o examinaram e descobriram que o paciente estava entre um estado de sono profundo e semiconsciência com pupilas contraídas, mostrando apenas uma reação a estímulos fortes. Além do aumento da pressão arterial e da frequência cardíaca, a respiração de T.O.P estava instável devido a baixos níveis de oxigênio e altos níveis de dióxido de carbono. Realizamos os cuidados médicos de emergência necessários, pois acreditávamos que ele estava em estado crítico. Ele foi admitido na unidade de terapia intensiva às 4:50 pm KST “.

Kim Han Soo explicou: “Depois de realizar um teste de urina, concluímos que o paciente sofria de depressão respiratória devido a uma sobre dosagem de tranquilizantes prescritos. Sua condição levou a uma alta ocorrência de insuficiência respiratória, então tomamos a decisão de tratá-lo na unidade de terapia intensiva de emergência, pois ele poderia ser intubado. Conseguimos controlar seus níveis de dióxido de carbono, mas ele ainda está em estado de grave letargia. Chegamos à decisão de que a condição do paciente exigiria coordenação pelos departamentos de neurologia e serviços de saúde mental, e consultas médicas foram realizadas às 11 da manhã KST e 3 PM KST com pouco sucesso. Uma vez que a condição do paciente melhorar, continuaremos seu tratamento com o departamento de serviços de saúde mental “.

O professor Kim Yong Jae explicou: “Durante seu exame médico, o paciente abriria os olhos se tivesse um forte estímulo, mas não conseguiu se concentrar. Existem casos em que isso pode levar à parada respiratória ou ao dano cerebral, mas não acreditamos que este seja o caso para este paciente “.

O professor Lee Deok Hee explicou seus planos para tratar T.O.P e disse: “Atualmente, não podemos determinar a quantidade exata de medicamentos que o paciente ingeriu. O tempo de recuperação depende da idade do paciente, por isso é difícil para nós dar um período de tempo exato. Nos casos anteriores, vimos que os pacientes mais jovens, sem complicações, geralmente se recuperam em aproximadamente uma semana. O que é mais importante é a saúde mental do paciente “.

T.O.P está atualmente sendo tratado depois de ser levado para o hospital. A YG Entertainment e a polícia haviam emitido declarações oficiais sobre sua condição, e a equipe médica tomou a decisão de realizar uma conferência de imprensa seguindo o que parecia ser declarações conflitantes da polícia, e a família e a agência de T.O.P.

Fonte: Soompi

LEAVE A REPLY