Jun So Min, de Cross, fala sobre a saída de Jo Jae Hyun do drama e sobre o movimento #MeToo

Jun So Min, de Cross, fala sobre a saída de Jo Jae Hyun do drama e sobre o movimento #MeToo

A atriz Jun So Min comemorou o final do k-drama Cross com uma entrevista na sexta-feira. Na entrevista, ela compartilhou seus pensamentos sobre a saída do ator Jo Jae Hyun do drama (mais informações AQUI), a atmosfera no set, sua filosofia de atuação e o movimento #MeToo.

Sobre Jo Jae Hyun:

“Disseram que a história não mudou muito [depois que Jo Jae Hyun saiu]. Nós simplesmente filmamos o que teria acontecido depois. Meu trabalho era filmar de uma maneira que não deixasse o público desconfortável. Os atores e funcionários fizeram o melhor que puderam. Não foi um grande desafio”, disse a atriz, acrescentando que nunca chegou a ver ou falar com Jo Jae Hyun após o incidente.

No set de filmagem:

Quanto ao set de filmagem de Cross, Jun So Min disse: “É um drama sombrio, então a atmosfera não era tão alegre. Quando eu estava com amigos da mesma idade, brincávamos e outras coisas, mas em geral não conversávamos muito porque estávamos todos focados em nossos papéis”.

“[O incidente] não mudou a atmosfera do set de filmagem. Mas isso me confundiu um pouco. Não tive a chance de conversar com ele depois do incidente”.

Sua filosofia de atuação:

“Eu não fiquei muito abalada [com o incidente]. Eu comecei a atuar no ensino médio e ao longo dos meus vinte anos, então atuar faz parte de mim. Eu tive que estar firmemente ancorada para o público assistindo nosso show.”

No movimento #MeToo:

“Esse é um problema tão grande que eu falo muito sobre isso com amigos. Muitos deles tem feridas, grandes e pequenos. Esses eventos dolorosos não deveriam ter acontecido. Nós falamos sobre as coisas que podem ter passado despercebidas para alguns, mas que feriram os outros “.

“Meus amigos que trabalham no escritório também falam sobre isso. Esses incidentes podem acontecer em qualquer lugar, independentemente de onde você trabalha. As pessoas podem pensar que isso acontece mais na indústria do entretenimento porque nossos rostos estão por aí, mas esses incidentes não deveriam estar acontecendo em nenhum setor”.

Fonte: DramaFever

Deixe aqui sua opinião sobre