What’s Wrong With Secretary Kim revela imagens românticas de Park Seo Joon e Park Min Young

What’s Wrong With Secretary Kim revela imagens românticas de Park Seo Joon e Park Min Young

O último episódio de What’s Wrong with Secretary Kim da tvN deixou os espectadores enlouquecidos.

Na comédia romântica, Park Seo Joon faz o papel de Lee Young Joon, um CEO que rico, bonito e negociador nato, mas que é apaixonado por si mesmo. Park Min Young, como Kim Mi So, assume o papel de ser sua secretária.

SPOILER!!!

No final do episódio oito, os espectadores finalmente viram o que estavam esperando. Não querendo criar distância após um mal-entendido, Kim Mi So beija Lee Young Joon primeiro depois de confessar seus sentimentos. Seu beijo corajoso ajuda Lee Young Joon a superar seu trauma.

Após o excitante episódio, o drama já lançou algumas imagens das suas cenas mais agitadas, deixando os espectadores ainda mais animados com o casal.

Seu toque carinhoso e olhares um para o outro estão fazendo com que os corações dos espectadores se derretam. Nas imagens vemos Park Min Young carinhosamente colocando as mãos ao redor do rosto de Park Seo Joon antes de beijá-lo. Em outra cena, o Park Seo Joon é visto gentilmente limpando o molho dos lábios de Park Min Young.

What’s Wrong With Secretary Kim revela imagens românticas de Park Seo Joon e Park Min Young

What’s Wrong With Secretary Kim revela imagens românticas de Park Seo Joon e Park Min Young

Outras imagens mostram os dois fazendo contato visual doce.  Estas cenas reconfortantes, mesmo antes de os personagens estarem oficialmente namorando, levam os telespectadores a imaginar que tipo de química eles verão a partir de agora.

What’s Wrong With Secretary Kim revela imagens românticas de Park Seo Joon e Park Min Young What’s Wrong With Secretary Kim revela imagens românticas de Park Seo Joon e Park Min Young

What’s Wrong with Secretary Kim, que recentemente bateu novamente os seus próprios índices de audiência, vai ao ar todas as quartas e quintas-feiras na tvN às 9:30 pm KST.

Fonte: (1)

Deixe aqui sua opinião sobre