PSY é processado por apresentação em 2017

PSY é processado por apresentação em 2017

Uma agência de produção entrou com uma ação contra PSY por “executar falsamente”, mas perdeu o caso.

Em 5 de novembro, o Departamento de Contratos Civis do Tribunal Central do Distrito de Seul decidiu contra o autor da ação movida pela agência “A” contra PSY. “A” é uma empresa que trabalha com uma empresa indonésia para produzir concertos e apresentações coreanas no exterior.

“A” entrou com a ação para um show anterior que ocorreu em Jacarta, na Indonésia, em outubro de 2017. A agência alegou que PSY não preencheu sua cota prometida para o concerto. A agência exigiu de PSY 275,4 milhões de won (aproximadamente 246.000 dólares) depois de afirmar que subiu ao palco às 8:30 da noite, cantou quatro músicas e encerrou o show enquanto prometia cantar cinco músicas entre 9 e 21:30.

A agência de PSY respondeu a essa alegação dizendo: “Não houve violação de contrato e a agência está tentando prejudicar a reputação de PSY, apesar de a verdade ser clara”.

Fonte: (1)

Deixe aqui sua opinião sobre