(Português do Brasil) Jung Yu Mi e Gong Yoo explicam por que escolheram estrelar o filme Kim Ji Young, Born in ’82

Jung Yu Mi e Gong Yoo explicam por que escolheram estrelar o filme Kim Ji Young, Born in ’82

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

Em 30 de setembro, Jung Yu Mi e Gong Yoo participaram de uma conferência de imprensa do filme Kim Ji Young, Born in ’82, que deve estrear em outubro.

Durante a conferência de imprensa, os dois explicaram por que escolheram estrelar o filme, que criou muito debate entre os internautas coreanos por sua opinião sobre o feminismo.

Gong Yoo compartilhou: “Aceitei a oferta [de estrelar o filme] sem ter que pensar muito sobre isso”. O ator continuou: “Depois que terminei de ler o roteiro, pensei muito em minha família. É muito raro chorar ao ler um roteiro, mas chorei ao ler esse roteiro”.

“Não é sempre que sinto que estou na situação apenas lendo o texto. Eu sabia que tinha que tomá-lo porque imediatamente mergulhei em Dae Hyun (personagem de Gong Yoo no filme) e fiquei emocionado”, acrescentou Gong Yoo. “Minha família me veio à mente, então liguei para minha mãe. Liguei para ela porque queria agradecer. Agradeci por me ter criado e, embora ela parecesse um pouco confusa, ela também parecia feliz porque ria”.

Gong Yoo concluiu: “Não havia motivo para hesitar. Eu acho que é um bom filme para as pessoas da geração dos meus pais, pessoas da minha geração e a próxima geração assistirem juntas”.

Jung Yu Mi explicou: “Eu não sou casada nem nunca criei um filho. Em vez de me relacionar com [o personagem], me lembrei de outras pessoas ao meu redor. Senti pena porque pensei que poderia ter desviado o olhar [dos problemas deles] com uma desculpa de estar ocupada, e também queria entender os sentimentos deles”.

A atriz continuou: “Tudo o que eu sabia sobre [a história] é que o romance tinha sido um tema quente. Tomei conhecimento da história através do roteiro primeiro. Depois que decidi assumir o papel após uma reunião com o diretor, ele levantou muitos problemas, mas pensei que é nosso trabalho fazer a história que queremos contar e mostrar às pessoas”.

Após a notícia que confirmou a participação de Jung Yu Mi no filme, muitos internautas deixaram comentários maldosos em suas redes sociais e classificaram o filme com zero estrelas em grandes sites de portal como o Naver. Em relação ao feedback negativo, a atriz compartilhou: “Isso não me pressionou de forma alguma. Eu estava pensando mais em participar da história que escolhi, transformá-la em uma ótima produção e compartilhá-la”.

Gong Yoo acrescentou: “Como eu disse anteriormente, não hesitei em estrelar o filme. [O feedback negativo] não causou problemas na minha decisão [de ingressar na produção]. Acredito que sempre haverá diferenças na maneira como as pessoas veem as coisas. Não acho que seja um problema do que é certo e errado”.

Kim Ji Young, Born in ’82 é baseado no romance best-seller de mesmo nome que conta a história de uma mulher chamada Kim Ji Young, nascida em 1982. Contando as experiências e a vida cotidiana de Kim Ji Young como filha, esposa, mãe e colega de trabalho de alguém, o romance ressoou com muitos e vendeu mais de um milhão de cópias na Coréia. No entanto, como o livro aborda o feminismo, que é um tópico altamente divisivo na Coréia, ele está no centro da controvérsia há algum tempo. Como resultado, celebridades como Seo Ji Hye e Irene do Red Velvet se tornaram o centro das atenções ao mencionar o romance.

Confira um trailer do filme abaixo:

Fonte:  (1)

Deixe aqui sua opinião sobre